concursos, exposições, curiosidades... sobre arte
escolhidos por MARIA PINTO
(Maria Regina Pinto Pereira)

http://maregina-arte.blogspot.com/

quarta-feira, 24 de agosto de 2016

AÇÕES PERFORMATIVAS: ENCARNANDO JUSTIÇAS DISSIDENTES - PoA - RS

DANI D’EMILIA e DANIEL B. CHÁVEZ (LA POCHA NOSTRA) VIOLETA LUNA, VIOLETA PAVÃO, MIRO SPINELLI, CLAUDIA PAIM, CALI OSSANI, ESPIRITO SANTO, BETYNA VENTU, PAULA BLOWER, NATALIE MIRÊDIA, MANUELA MIRANDA E INGRID KALI


 Desde o dia 15 de agosto xs artistas de performance Dani d’Emilia, Daniel B. Chávez (MX/USA/BR – membros do coletivo LA POCHA NOSTRA e do duo arte-vida Proyecto Inmiscuir) e Violeta Luna (MX/USA – anteriormente parte de La Pocha Nostra  e integrante do coletivo Secos y Mojados) estão em residência na Galeria Peninsula em Porto Alegre, trabalhando com 10 artistas selecionados por convocatória pública utilizando diversas metodologias de criação provenientes de distintas práticas de performance, incluindo os exercícios para artistas rebeldes (performance-pedagogía de Gomez Peña, R. Sifuentes e La Pocha Nostra) e outras propostas que visam (des)treinamentos corporais e a criação coletiva. Partindo da pergunta 


“Como imaginar um processo de Justiça que envolva a cura?” 


proposta recentemente pela filósofa e ativista Angela Davis, a residência se utilizará de múltiplas genealogias e estratégias feministas para tratar da violência e o cuidado a corpos considerados como não-humanos e/ou periféricos ante as normas patriarcais-coloniais-neoliberais do mundo atual.

Na próxima sexta-feira, 26 de agosto, a partir das 19h30 o grupo abre o processo ao público mostrando um pouco da pesquisa e vivência desenvolvida nessas duas semanas de residência dentro da galeria e nas redondezas.

 
AÇÕES PERFORMATIVAS: ENCARNANDO JUSTIÇAS DISSIDENTES
26 DE AGOSTO DE 2016 ÀS 19H30
Local: Galeria Península (Rua dos Andradas, 351)
Fone: 51. 3414 2286
Maiores informações:
www.pppp.art.br
www.galeriapeninsula.art.br


palestra A IMPORTÂNCIA DO USO DE MATERIAIS NA OBRA DE ARTE - Caetano Ferrari - SP


terça-feira, 23 de agosto de 2016

Grupo de Estudos NDA (Núcleo de Discussão de Arte), com Roberto Fabra - SP

Casa
 
casacontemporanea
Grupo de Estudos NDA (Núcleo de Discussão de Arte), com Roberto Fabra
 
 
O grupo de estudos NDA (Núcleo de Discussão de Arte) se forma para que artistas, iniciantes ou experientes, possam discutir seus processos criativos e trabalhos de forma pontual.

Datas: Sextas-feiras das 14h30 às 17h00, dois encontros por mês

Clique aqui e saiba mais!
 
 
Rua Capitão Macedo 370 - Vila Mariana – São Paulo - SP / CEP: 04021-020 Telefone: (11) 2337 3015

exposição Encontro da Imagem com a Literatura Latino-Americana - Memorial Latino Americano - Salão de Atos Tiradentes - SP

Fundação Memorial da América Latina
Av. Auro Soares de Moura Andrade  664
Barra Funda - SP - SP
Salão de Atos Tiradentes

MAM Contatos com a arte: programação gratuita para professores e educadores

contatos-com-a-arte-agosto

exposição Raros Vintages e Inéditos - SP

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

terça-feira, 16 de agosto de 2016

CASA DA XILOGRAVURA - Agosto de 2016

EXPOSIÇÕES TEMPORÁRIAS

30 Fragmentos de Poesia
- Até 25 de agosto de 2016 -
Xilogravuras de trinta artistas. Coordenação do gravador Vinícius Almeida e apoio, para impressão, do atelier do Instituo de Artes da UNESP Universidade Estadual Paulista.


Xilogravuras Mexicanas
- de 8 de setembro a 30 de novembro de 2016 -
Mostra de xilogravuras originárias de artistas contemporâneos do México.


VISITAS DE PRÓ-REITORES DA USP
O Museu recebeu, em 21 de julho de 2016, as honrosas visitas do Prof. Dr. Marcelo de Andrade Roméro e da Profa. Dra. Ana Cristina Limongi-França, respectivamente Pró-Reitor e Pró-Reitora Adjunta de Cultura da Universidade de São Paulo, fato auspicioso para a continuidade do benéfico relacionamento entre a Casa da Xilogravura e a USP.
MAIS 303 OBRAS PARA A CASA DA XILOGRAVURA
A partir de setembro próximo, o Museu passa a expor permanentemente o livro de artista Metropolis, que reúne gravuras originais de 303 autores de vários países. Sua criação foi coordenada pelo alemão Andreas Kramer. Há só três exemplares do Metropolis no mundo: um em Veneza, outro em Berlim e este em Campos do Jordão, que foi doado para a Casa da Xilogravura e agora integra seu acervo. Um móvel foi especialmente confeccionado para exibi-lo, pois, quando aberto e desdobrado, o livro se estende por cerca de 60 metros!
A CASA DA XILOGRAVURA NO PERU
De 9 de setembro a 27 de outubro deste ano, uma exposição de cerca de 50 obras do acervo da Casa da Xilogravura será exibida em Lima, a convite, integrando a V Bienal Internacional de Gravura promovida pelo Instituto Cultural Peruano Norte-Americano, entidade cultural que, sem fins lucrativos, tem atuado no Peru durante os últimos 78 anos. A Curadoria Geral desta Bienal é do crítico Manuel Munive e o evento ocupará toda a área expositiva do Centro Cultural Brasil-Peru, graças ao apoio da Embaixada do Brasil na capital peruana, especialmente do seu Chefe do Setor Cultural, diplomata Jonas Paloschi.
O MUSEU COMEMORARÁ 30 ANOS E TAMBÉM CONSTRÓI NOVA BIBLIOTECA
O Museu prepara exposições e eventos marcantes para o próximo ano, pois em 2017 a Casa da Xilogravura comemorará 30 anos desde a data em que abriu suas portas ao público.
Foi concluída a obra de construção das salas para a nova biblioteca do Museu.
SORTEIO DE GRAVURAS
Realizou-se o sorteio de duas gravuras. A elas concorreram, gratuitamente, todas as pessoas que visitaram a Casa da Xilogravura no primeiro semestre de 2016 e preencheram a ficha constante de seu bilhete de ingresso.
Foram premiadas as fichas números 33.242 e 36.590, respectivamente de Diogo S. M., residente em Itaguaí, Rio de Janeiro, e Helga J. C., residente em Salvador, Bahia.

                                       
MUSEU CASA DA XILOGRAVURA
O horário de funcionamento da Casa da Xilogravura continua o mesmo:
das 9 às 12 e das 14 às 17 horas, de 5ª. a 2ª. feira
(só fecha nas terças e quartas-feiras)
Av. Eduardo Moreira da Cruz, 295, Bairro Jaguaribe, Campos do Jordão.
Entrada = R$ 6,00 /  Mais de 60 anos, estudantes e professores = R$ 3,00 /
Menores de 12 anos = Grátis  /
Professores, funcionários e alunos da USP = Grátis /
Grupos de alunos de escolas gratuitas previamente agendados = Grátis
Mais informações sobre os eventos: 
Fone(12)3662-1832                              contato@casadaxilogravura.com.br

exposição bordados, desenho e placas - Viviane Pasqual - Museu do Trabalho - RS


vivi550

Abertura dia 18 de agosto, quinta-feira, às 19 horas
Ex-aluna de Jailton Moreira no Torreão, Viviane Pasqual reserva uma marca comum entre
os seus trabalhos: um desenho em geral muito colorido e bem-humorado, com uma
abordagem bastante particular da vida cotidiana. Com essa característica,
ela mostra “Viviane Pasqual – Bordados, desenhos e placas”.
Essa será a primeira individual da artista em Porto Alegre e, até o momento, sua mostra de
mais fôlego. Viviane, que vive e trabalha em Caxias do Sul, apresenta mais de cem trabalhos, em
diferentes formatos e sobre diferentes suportes. Essa obra guarda conexões com certa tradição da
ilustração e do cartum, mas se mantém singular, única, escapando das pretensões classificatórias.
A curadoria da exposição é do crítico Eduardo Veras, professor do Instituto de Artes da UFRGS.

Em cartaz até 2 de outubro de 2016
Terça a sábado, das 13h30 às 18h30
Domingos e feriados, 14h às 18h30

Museu do Trabalho na 9ª Semana da Fotografia de Caxias do Sul - RS




image
O Museu do Trabalho participa da 9ª Semana da Fotografia de Caxias do Sul
com a mostra da coleção da reserva técnica do Consórcio de Fotografias:

 Alex Sernambi, Clovis Dariano, Dudu Contursi, Eduardo Haesbaert, Eduardo Seidl, Eneida Serrano,
Fábio Del Re, Fernanda Chemale, Fernando Bueno, Fernando Schmitt, Fernando Zago, Guilherme Lundt,
Ío (Laura Cattani e Munir Klamt), Jacqueline Joner, Leopoldo Plentz, Letícia Lampert, Luiz Carlos Felizardo,
Luiz Abreu, Luiz Eduardo Achutti, Manuel da Costa, Marcelo Leães, Mariane Rotter, Marília Bianchini,
Mário Röhnelt, Oficina da Luz, Raul Krebs, Ricardo Chaves, Rommulo Vieira Conceição e Romy Pocztaruk.

Criado em 2013, nos mesmos moldes do já consagrado Consórcio de Gravuras, que o Museu do Trabalho
promove há 21 anos, o Consórcio de Fotografias tem como seus principais objetivos popularizar a fotografia
como obra de arte, formar um público consumidor e angariar fundos para a manutenção da instituição.
Os associados mediante uma mensalidade recebem uma fotografia por mês.

20 de agosto a 17 de setembro de 2016
 
Centro Municipal de Cultura Dr. Henrique Ordovás Filho
Rua Luiz Antunes 312, Panazzolo
Caxias do Sul – RS
 
Realização:
Unidade de Artes Visuais
Secretaria Municipal da Cultura
 
Confira a programação completa:www.caxias.rs.gov.br

Maria Tomaselli - PoA - RS


maria550
Projeto Quadro Branco
 
com
 
Maria Tomaselli
Maria Tomaselli Cirne Lima, nasceu em Innsbruck, Áustria. Veio para Brasil em 1965,
morando e trabalhando entre Porto Alegre, São Paulo, Rio de Janeiro, Recife e Olinda.
Estudou pintura com Iberê Camargo, gravura em metal com Eduardo Sued, Anna Letycia
e Mario Doglio; iniciou escultura com Xico Stockinger. 
Expôs individualmente inúmeras vezes
em galerias de renome do Brasil e Europa. Participou das Bienais de São Francisco, Cuba,
Maldonado, Áustria, São Paulo, San Juan e Mercosul, em Porto Alegre. Recebeu 19
prêmios e cinco destaques em salões do Brasil e exterior. Atualmente reside em
Porto Alegre, onde freqüenta as oficinas de gravuras do Museu do Trabalho.
Maria mostra no Quadro Branco, um desenho em pastel e acrílica sobre papel.
22 de agosto a 21 de outubro de 2016
Café do Studio – StudioClioSegunda a sexta, das nove às 19h
Rua José do Patrocínio, 698. Cidade Baixa – Poa
Parceria:
StudioClio / Cerveja Coruja / Museu do Trabalho
 

Workshop de Arte Postal, com Carolina Lopes - SP

casacontemporanea
Workshop de Arte Postal, com Carolina Lopes
 
 
O objetivo deste workshop é apresentar aos participantes o circuito internacional de arte postal, oferecendo um breve histórico e especificidades dessa modalidade artística, estimulando assim a criação de arte postal.

Data: Sábado, dia 03 de setembro
Início das 9h às 12h | Continuação das 13h às 17h


Clique aqui e saiba mais!
 
 
Rua Capitão Macedo 370 - Vila Mariana – São Paulo - SP / CEP: 04021-020 Telefone: (11) 2337 3015

domingo, 14 de agosto de 2016

TOQUE instalação em processo - autoria compartilhada em dialogo com a mostra Mais que Humanos - Arte no Juquery

"A instalação TOQUE embaralha categorias, reunindo autorretratos em relevo de pessoas com e sem formação artística, videntes e pessoas sem visão, pacientes psiquiátricos, entre outros." 


TOQUE  
instalação em processo - autoria compartilhada 
em dialogo com a mostra
Mais que Humanos - Arte no Juquery

Abertura 20 de agosto, 11h

Oficinas de autorretratos em relevo para construção de módulos da instalação 
1  e 2 de setembro e 6 e 7 de outubro, a partir das 13:30h
Informações e inscrições (11) 26273881 ou pelo site:

quarta-feira, 10 de agosto de 2016

ateliê livre de desenho - Walter Miranda - SP

;

Ateliê Livre de Desenho.

Trata-se de um espaço direcionado à todas as práticas do desenho.

As turmas serão pequenas e o acompanhamento será individualizado, ou seja, o espaço atenderá tanto alunos iniciantes quanto experientes.

A idéia central da proposta é desenvolver e aprofundar a técnica e temática de cada aluno, desde o estudo de conceitos de proporção, perspectiva, luz e sombra, desenvoltura do traço, estilização etc.; até propostas mais conceituais que usem o desenho como embasamento.

O espaço será aberto ininterruptamente a partir de 17/agosto, sempre às quartas-feiras das 14 às 17 ou das 19 às 22h.

Valor da mensalidade: R$ 360,00.

Material para alunos iniciantes: Bloco de papel sulfite tamanho A3, lápis grafite 2B, borracha macia, estilete e pasta tamanho A3.

Material para alunos que tenham domínio do desenho: de acordo com a proposta e necessidade de cada aluno.


Local: OCA - Oficina de Criatividade e Arte.

Endereço: Av. Conselheiro Rodrigues Alves, 903 - Vila Mariana (altura da Rua Áurea) - Metrô Ana Rosa

Dias: Quartas-feiras

Horários: Das 14 às 17h ou das 19 às 22h.


Informações e inscrições: 5084.0849


Segue o cartaz em anexo.


Grato pela atenção e um abraço,

--
Walter Miranda

Para conhecer minha produção artística visite:
www.miranda.fwmartes.com.br

terça-feira, 9 de agosto de 2016

exposição | Territórios Relativos Carrie Fucile e Lídia Malynowyj - SP

casacontemporanea

Entreolhares – Oficina do Objeto Inusitado - Ana Mazzei - SP

A edição de agosto da série Entreolhares apresenta a Oficina do Objeto Inusitado, workshop conduzido pela artista plástica Ana Mazzei e fruto de uma parceria com a 32ª Bienal Internacional de São Paulo. Serão disponibilizadas 30 vagas e as inscrições devem ser realizadas entre 25 de julho e 9 de agosto.
Criado em 2014, este programa de formação em artes visuais já abordou diversas temáticas que permeiam o fazer e o pensar artístico ao promover o encontro com diferentes produtores e pensadores da área. Em suas últimas edições, os workshops trouxeram desde a edição de vídeo em tempo real até a reconstrução da história a partir da arte.
Em agosto, o Itaú Cultural e a 32ª Bienal Internacional de São Paulo convidam Ana Mazzei para acompanhar os participantes durante o processo de criação de esculturas e objetos inusitados desde o desenho inicial até a sua construção. Tendo como ponto de partida materiais de uso cotidiano, serão propostos exercícios práticos baseados nas discussões em grupo e no reconhecimento do trabalho de alguns artistas.
Formada em artes plásticas pela Fundação Armando Alvares Penteado (Faap) e mestre em poéticas visuais pela Unicamp, Ana Mazzei fará parte da 32ª Bienal de São Paulo, com curadoria de Jochen Volz, e já teve projetos apresentados no Instituto Tomie Ohtake, Parque Lage e na SaludArte Foundation, em Miami.
A atividade é voltada para artistas, estudantes e interessados em geral nas áreas de artes e design e contará com interpretação na Língua Brasileira dos Sinais (Libras). As inscrições podem ser feitas de 25 de julho a 9 de agosto, preenchendo o formulário aqui. A divulgação dos selecionados será realizada no dia 11 de agosto.
Dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail atendimento@itaucultural.org.br ou pelo telefone 11 2168 1777 (terça a sexta, das 9h às 20h | sábado, domingo e feriado, das 11h às 20h).
terça 16 a quinta 18 de agosto de 2016às 18h30[duração aproximada: 210 minutos]
Sala Multiúso (piso 2)
Entrada gratuita

curso de desenho para estudantes - MAC USP

Cursos / Workshops / Palestras / Oficinas Conversas em Fluxo na exposição 'Picasso - mão erudita, olho selvagem' - O engajamento político de Picasso e suas obras em diálogo com outros artistas - Maurício Kanno - SP


Maurício Kanno (PGEHA/USP) terá como tema 'O engajamento político de Picasso e suas obras em diálogo com outros artistas'. A apresentação discutirá o trabalho de Pablo Picasso sob o ponto de vista de seu engajamento social e político. Sua obra mais conhecida neste sentido é Guernica, que faz referência ao bombardeio à cidade espanhola basca por aviões da força aérea alemã.

Outra de teor similar é 'Massacre na Coreia', vista como crítica ao intervencionismo norte-americano na Guerra da Coreia. Podemos traçar um paralelo histórico desta última tela com 'Os fuzilamentos de três de maio' (1814), de Goya, sobre a resistência espanhola à invasão das tropas de Napoleão.

Maurício Kanno é artista visual, escritor, jornalista e mestrando em Estética e História da Arte na USP.

Entrada Gratuita. 
Mais informações pelo e-mail 
ou pelo telefone (11) 2245 1937.

INSTITUTO
TOMIE OHTAKE

Av.Brigadeiro Faria Lima, 201
Pinheiros - São Paulo - SP
CEP 05426-100

O Prazer Desinteressado da Arte? De Kant à Cultura Pós-Aurática de Walter Benjamin - IEA USP SP

por Mauro Bellesa publicado 04/08/2016 16:20 última modificação 05/08/2016 17:12


De acordo com a teoria da arte de Kant, expressa em sua "Crítica do Juízo" (1790), a avaliação estética de uma obra de arte é desprovida de qualquer desejo por parte do sujeito que a contempla, com a obra não cumprindo nenhuma função prática, utilitária, nem atendendo à busca de conhecimento ou se subordinando a preceitos morais. Ele chama isso de “prazer desinteressado”. Mas seria esse prazer possível com a reprodutibilidade técnica da obra de arte e sua consequente massificação e mercantilização?
Essa questão será discutida no seminárioO Prazer Desinteressado da Arte? De Kant à Cultura Pós-Aurática de Walter Benjamin, no dia 15 de  agosto, às 14h30. Os conferencistas serão o sociólogo e filósofo Sérgio Paulo Rouanet e a socióloga Barbara Freitag. A atividade é organizada pela pela Cátedra Olavo Setubal de Arte, Cultura e Ciência, da qual Rouanet é o primeiro titular.
O seminário terá como debatedores os professores Cremilda Medina Martin Grossmann (ex-diretor do IEA e coordenador da cátedra), ambos da Escola de Comunicações e Artes (ECA) da USP, e a professora Jeanne Marie Gagnebin, da Unicamp e da PUC-SP.
A nova aura
Rouanet e Barbara partirão de uma reflexão sobre a teoria kantiana da arte para em seguida abordar a teoria de Walter Benjamin (1892-1940) sobre a perda e recuperação da aura na era da reprodutibilidade técnica da obra de arte.


Midiateca
No livro "Édipo e o Anjo: Itinerários Freudianos em Walter Benjamin", publicado em 1981, Rouanet comenta que, para Benjamin, a obra de arte clássica, derivada historicamente da tradição religiosa, partilhava com o objeto de culto a característica de ser única, irreprodutível, autêntica e intocável: "A característica temporal da aura é sua unicidade e sua característica espacial é a distância". Assim, nas palavras de Benjamin, a aura "é o aparecimento único de um objeto distante, por mais próximo que esteja".
Com a multiplicação dos meios de reprodução técnica, sobretudo a partir do advento da fotografia, essa estrutura espaço-temporal da obra de arte se modifica, lembra Rouanet: "Reprodutível ao infinito, ela deixa de ser única, e pode, ao mesmo tempo, ser tocada pelo observador, deixando de ser longínqua. A arte perde sua aura".
Ainda em "Édipo e o Anjo", Rouanet destaca que, "se a aura da grande arte desaparece, não é para ceder lugar à ação libertadora das massas, e sim para abrir um espaço onde se instala uma nova aura: a da mercadoria, cujo fetichismo suscita no consumidor uma atitude incomparavelmente mais alienante que a arte baseada no ritual".
O evento ocorrerá na Sala de Eventos do IEA. Os interessados devem fazer inscrição prévia. Quem não puder comparecer poderá assistir ao seminário ao vivo pela internet. Na manhã do mesmo dia haverá um encontro com Rouanet no IEA aberto apenas a artistas e acadêmicos convidados. À noite, a partir das 19h30, haverá uma conversa entre Rouanet e convidados (Alfredo BosiOswaldo Giocoia Jr., Wilson Levy e Luiz Paulo Rouanet) na Livraria Cultura do Conjunto Nacional (avenida Paulista, 2.073), ocasião em que será lançado o livro "Rouanet 80 Anos", que reúne as discussões de congresso ocorrido em 2014 em homenagem ao ensaísta.


O Prazer Desinteressado da Arte? De Kant à Cultura Pós-Aurática de Walter Benjamin
15 de agosto, às 14h30
Sala de Eventos do IEA, rua da Biblioteca, s/n, Cidade Universitária, São Paulo
Evento público, gratuito e com inscrição prévia
Informações: Sandra Sedini (sedini@usp.br), telefone (11) 3091-1678