concursos, exposições, curiosidades... sobre arte
escolhidos por MARIA PINTO
(Maria Regina Pinto Pereira)

http://maregina-arte.blogspot.com/

quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

27ª Rio Bikoo-ten 2015 - RJ



Temos o prazer de convidá-los para 27ª Rio Bikoo-ten 2015 - exposição do Rio Bikoo-kai, fundado em 1989: 


Bi=Belo, koo=porto, kai=grupo, 

em homenagem ao belo Porto do Rio de Janeiro – evento comemorativo aos 120 Anos de Tratado de Amizade Brasil-Japão. 

A mostra compreende obras de artistas plásticos e de crianças, japoneses e brasileiros, assim como ukiyoe -  xilogravuras do século XVIII do Japão. 

Coquetel: 10 de dezembro de 2015, quinta-feira, das 19h às 22h 
Período: 11 a 16 de dezembro de 2015, das 10 às 18h (sábado e domingo fechados) 
Local: Galeria Antonio Berni do Consulado Geral da República Argentina no Rio de Janeiro, Praia de Botafogo, 228, sobreloja, Edifício Argentina


Expositores Convidados Especiais: Duílio Germano, Eduardo Costa Camões, Kazuo Iha, Masako Tsukada, Roberto de Souza, Vera Figueredo 

Membros: Alice Akamatsu, Carmem Flora, Daniel Martinelli, Hiroyuki Makita, Ivone Florence Kanto, Kevin Blayde Bianco, Lena Abrantes, Mitie Ywamoto, Olivia Rollas, Paulo Renato Colombiano, Sergio Alberto Santos Silva, Takayuki Fukumura, Teruko Okagawa Monteiro, Yasuko Matsumoto. 

Novos Membros: Jane Sayd, Maria Aparecida Limongi Loures, Masako Akada, Yusuke Mogi Participantes: Claudiah Arantes, Marcos Cavalcanti, Maria Julia Duarte Lira, Marina Camargo Bastos 

Crianças: Akari Sumi, Amane Kondo, Anita Micaela Gomes, Asahi Shimada, Attila Komatsu, Cecília Moura Neutig dos Santos-Silva, César Matsumoto Geraissati, Gabriel Colombiano, Gianluigi Sugimoto, Giovana Tibau, Haruka Matsudaira, Haruto Shimada, Hikaru Sumi, Iwamoto Talarico, João Pedro Bonandi Takao, Julia Yumi Tavares Fuse, Kaito Kondo, Kei Mizusaki, Miki Kobayashi, Momoka Kataoka, Nathália Ribeiro Monteiro, Otto Jun Fujita, Sora Matsudaira, Yui Mizusaki 

Realização: Rio Bikoo-kai, Consulado Geral do Japão no Rio de Janeiro, 120 Anos de Amizade Japão Brasil Apoio Institucional: Consulado Geral da República Argentina no Rio de Janeiro, Instituto Cultural Brasil Argentina, 450 Anos de Rio de Janeiro Apoio Cultural: Câmara de Comércio e Indústria Japonesa do Rio de Janeiro, Associação Cultural e Esportiva Nipo Brasileira do Estado do Rio de Janeiro, Associação Nikkei do Rio de janeiro, Instituto Cultural Brasil Japão, Azuma Kirin, Sérgio Figueiredo Arquitetura & Gastronomia, Scotton Restaurante 


Diretor Presidente: Yasuko Matsumoto; 
Vice-Presidentes: Hiroyuki Makita e Mitie Ywamoto; Secretário: João Semeraro Rito Cardoso, 
Tesoureiro: Shoji Iwamoto,
Comunicação: Kinko Polaty, Sergio Alberto Santos Silva e Paulo Renato Colombiano: 
Divulgação: Teruko Okagawa Monteiro 
Conselheiros de Honra: Kazuo Iha e Masako Tsukada 
Conselheiros: Alice Akamatsu, Carmem Flora, Hideo Nakayama, Osni Scotton, Satiko Sakatsume, Sérgio Figueiredo, Takayuki Fukumura 
Colaboradores: Alexandra Chung, Chisako Takao, Hiroko Komatsu, Ikuko Kondo, Nobuyo Kobayashi, Mami Kataoka, Mari Sumi, Raúl Brito, Reiko Takahashi, Takami Fuse, Takeshi Murakoshi, Tomiyo Shimada, Yo Matsudaira, Yoshiaki Hasuo, Yu Mizusaki e Yuka Shimizu. 

Teruko Okagawa Monteiro 岡川・モンテイロ・照子 Diretora de Divulgação do Rio Bikoo-kai

Edital de Ocupação do Memorial da Paz . Vitória/ES - só para quem reside em Vitória

Tendo como objetivo constituir a programação da galeria para 2016, com exposição de obras de artes visuais, projeto de criação e difusão de segmentos das artes visuais tais como: pintura, escultura, desenho, gravura, fotografia, outras mídias e demais modalidades relacionadas.
Poderão participar do presente Edital:
a) Pessoa Física, residente no município de Vitória (ES).
b) Pessoa Jurídica de Direito Privado com ou sem fins lucrativos, estabelecida no município de Vitória (ES), e que comprove o caráter – definido nos atos constitutivos – estritamente artístico ou cultural.
CRONOGRAMA– Inscrições: até 8 de dezembro/2015
– Taxa de inscrição: não
– Premiação: 2 prêmios no valor de R$ 12.000 cada.
– Edital, Projeto + ficha de inscrição: http://bit.ly/1Q1A6I7


by Editais e Afins

laboratório OMA de Artes Visuais - SBC




http://www.omagaleria.com/

atelier MONOTYPE - CHARBONNEL - Paris


BOUTIQUE CHARBONNEL
13 Quai Montébello
75005 PARIS

01 43 54 23 46


 DÉCEMBRE 2015

Atelier MONOTYPE

Jeudi 17 Décembre 2015 de 12h30 à 15h00

Cet atelier propose de vous initier aux différentes étapes MONOTYPE

Encadrement : Michèle LUMBROSO
Matériel fourni

 *15 places disponible

 
Réservez votre place ici

Editais de Ocupação Centro Cultural Bernardo Mascarenhas . Funalfa - Juiz de Fora - MG

funalfa_editais-e-afins
Para compor a programação do Centro Cultural Bernardo Mascarenhas (CCBM), de março a dezembro de 2016, a Fundação Cultural Alfredo Ferreira Lage (Funalfa), em Juiz de Fora/MG, lançou editais para seleção de propostas de ocupação das galerias “Arlindo Daibert”, “Celina Bracher”, “Heitor de Alencar” e “Narcisse Szymanowski”, além da Sala de Encenação “Flávio Márcio”.
Os projetos podem ser desenvolvidos por artistas profissionais ou amadores de todo o Brasil, englobando propostas das diversas linguagens das artes visuais e cênicas, música e demais atividades de caráter artístico-cultural, tanto para as galerias quanto para a sala de encenação. Com essa seleção, o CCBM pretende oferecer à sociedade eventos com relevância conceitual e temática, impacto social, diversidade de linguagens e inovação.
As propostas para ocupação artística das Galerias serão divididas em duas modalidades:
_Modalidade A: nesta categoria podem ser inscritos projetos de artes visuais contempladas em sua diversidade, tais como pintura, escultura, gravura, desenho, instalação, novas tecnologias e demais experimentações plásticas, incluindo fotografia e ainda distintas atividades de caráter artístico-cultural que tenham como proposta ocupar as Galerias Arlindo Daibert, Celina Bracher ou Heitor de Alencar.
_Modalidade B: c ategoria preferencialmente para projetos de fotografia que tenham como proposta expor na galeria Narcisse Szymanowski.
CRONOGRAMA– Inscrições: até 21 de dezembro/2015, via Correios ou pessoalmente
– Taxa de inscrição: não
– Premiação: não.


by Editais e Afins

Entre o Muro e o Meio Fio | Sonia Távora - CCBN - Fortaleza - CE




Curadoria de Ivair Reinaldim
lançamento_ 03/12/2015, quinta-feira, 18h30
exposição_ 04/12/2015 a 23/01/2016 
A instalação propõe um diálogo com os lugares que se enquadram nos moldes dos centros urbanos, nas esquinas, calçadas, trajetos de passagem onde a vida acontece. O título da exposição aborda esse espaço enquanto experiência visual, paisagem fundamento do meu imaginário, uma das motivações e urgências dentro de um rastreamento social. As paredes são suporte e limite para os 17 painéis de pintura, apresentados agrupados, combinando as perspectivas, criando uma espécie de labirinto levando o espectador a um universo de infinitas possibilidades.
segmento_ pintura, instalação
local_
Centro Cultural Banco do Nordeste
Rua Conde D’Eu 590 - Centro
Fortaleza / Ceará / Brasil
55-85-3464-3108
55-85-3464-3177
cultura@bnb.gov.br
www.bnb.gov.br/cultura

No33. Ismétlődések / Repetitions - chamada email art









:

Google Cultural Institute - Teatro Municipal e Google lançam coleção digital em nova plataforma internacional

photosphere saopaulo twitter
Ópera National de Paris (França), Carnegie Hall (Estados Unidos), Royal Shakespeare Company (Inglaterra), Berliner Philharmoniker (Alemanha) e Theatro Municipal - único representante do hemisfério sul - integram a nova plataforma de arte do Google Cultural Institute.
No coração do projeto estão: a captação da mais recente montagem da ópera "Lohengrin", de Richard Wagner, com a novíssima tecnologia de vídeo em 360°; a criação de um tour completo pelo lindíssimo e histórico prédio com a mesma tecnologia do Google Street View; e a abertura de três exposições virtuais do rico acervo permanente do teatro.
Saiba mais sobre essa aventura com ópera e tecnologia digital aqui
***
Barra FTM IBGC

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

investigações gráficas - Renata Bueno, Simone Rebelo e Francisco Maringelli - GRAPHIAS - SP


poesia grabada - Julieta Warama - La Plata - Argentina


Muestra de Grabados
:: POESÍA GRABADA ::
Julieta Warman

Inauguración 
:: Viernes 4 de Diciembre ::
17:00 Hs.
Poesía y Música en vivo: Invitados especiales
Leen: Natalia Bogliano :: Lara Villaro :: Martín Raninqueo.
Música: Ximena Villaro :: Eleonora Artigas

Visita: de Lunes a viernes de 8:00 a 19:00 Hs.

Biblioteca Pública U.N.L.P. :: Plaza Rocha 137 :: La Plata :: AR

segunda-feira, 30 de novembro de 2015

3° Edição PICCOLO Exposição de aquarelas de pequenos formatos - SP

11063642_761854877291238_3730938869855790462_n

Line Into Shape - ETCHINGS BY PETER SCHUYFF AND EDDA RENOUF - NYC - USA

Line Into Shape

ETCHINGS BY PETER SCHUYFF AND EDDA RENOUF

NOVEMBER 19, 2015 – JANUARY 23, 2016

Untitled
Peter Schuyff
Untitled, 1992
Edition of 15 with 3 A.P.
Signed in pencil
8 x 8 inches

PRESS RELEASE

Line Into Shape
Etchings by Peter Schuyff & Edda Renouf
November 19th, 2015 – January 23rd, 2016

Anders Wahlstedt Fine Art is pleased to announce the exhibition “Line Into Shape,” a group show with etchings, aquatints, and a watercolor by Peter Schuyff and Edda Renouf.

Edda Renouf’s Clusters series from 1976 includes eight etchings and aquatints that bring to mind the calm, meditative spirit of nature. The subdued colors derive directly from the world around us: the red desert of Arizona; the grey of a stoney mountainside; the harmony between a serene, sandy beach and the white clouds in a motionless sky. The simplicity of Renouf’s compositions coupled with the dots, cross-hatchings, fine lines, and scratches focused in different regions on the page demonstrate the artist’s careful, precise approach to making art.

Peter Schuyff’s etchings, on the other hand, are very geometric and have tight-knit, repetitive patterns that form orbs in the center of the paper. He works meticulously to create juxtapositions between volume and flatness & abstraction and representation. A master at playing with light and shadows, Schuyff makes these spheres roll in and out of light placing them firmly in the realm of optical illusion.

One of Schuyff’s watercolors will also be on display. Schuyff has said, “I make watercolors mostly when I travel. I usually start by putting down a puddle of water and then I drip little pigments into the water and let it settle and dry wherever it wants to. I enjoy taking a step back during this process and I try to encourage Mother Nature to make as many decisions as she’s willing to make.”

Schuyff and Renouf both create intricate patterns using small markings to draw the viewer into their compositions. They allow their work to slowly unfurl and speak for itself. Whether losing oneself in the meditative aspects of nature or the rolling movements of geometry, these etchings focus one’s attention on the beauty of little details.

Forger claims Da Vinci masterpiece "La Bella Principessa" is supermarket checkout girl

Forger claims Da Vinci masterpiece "La Bella Principessa" is supermarket checkout girl
"I drew this picture in 1978 when I worked at the Co-op (supermarket)," wrote Greenhalgh in new book "A Forger's Tale," extracts of which appeared in the Sunday Times.

LONDON.- One of Britain's most notorious art forgers has claimed responsibility for what is believed to be a Leonardo Da Vinci masterpiece, saying it was inspired by a supermarket checkout girl, the Sunday Times reported.

Experts agree that Da Vinci created "La Bella Principessa" in the 15th century, but Shaun Greenhalgh, who has spent time in jail for art forgery, claims he made the chalk and ink drawing when he worked at a supermarket in Bolton, northern England.

"I drew this picture in 1978 when I worked at the Co-op (supermarket)," wrote Greenhalgh in new book "A Forger's Tale," extracts of which appeared in the Sunday Times.

"The 'sitter' was based on a girl called Sally who worked on the checkouts," he added. "Despite her humble position, she was a bossy little bugger and very self-important."

Experts concluded in 2008 that the profile of a blonde-haired woman was a "remarkable drawing by Leonardo", and it has since been exhibited as a da Vinci in Italy and valued at £100 million ($150 million, 142 million euros).

Greenhalgh, who was arrested in 2006 and jailed for four years and eight month, claims he used an 1587 council document for the canvas and schooldesk lid as the backing.

While executing the artwork, he turned it 90 degrees clockwise to mimic da Vinci's left-handed style, he wrote.

However, a laboratory recently released evidence suggesting the chalk pigment was at least 250 years old.

Greenhalgh claimed he made his own pigments from organic materials of an appropriate age, digging up iron-rich clay. 

saideira - Alex Cerveny e outros - SP


Saideira


Albano Afonso, Alex Cerveny, Assume Vivid Astro Focus, Daniel Acosta, Daniel Lie, Dario Escobar, Eduardo Berliner, Flávio Cerqueira, Ivan Grilo, Joana Vasconcelos, Juliana Cerqueira Leite, Manuela Ribadeneira, Marcia Xavier, Mariana Palma, Max Gómez Canle, Nazareth Pacheco, Reginaldo Pereira, Rommulo Vieira Conceição, Sandra Cinto, Stephen Dean, Tony Camargo, Valdirlei Dias Nunes, Vânia Mignone e Yuri Firmeza

Curadoria de Fernando Mota
lançamento_ 26/11/2015, quinta-feira, 19-22h
exposição_ 27/11/2015 a 19/12/2015 
A última exposição do ano na Casa Triângulo celebra a mudança de endereço da galeria, prevista para o início de 2016, com uma seleção de obras do acervo. Sem caráter retrospectivo, a natureza curatorial da mostra é metafórica e não histórica. O fio condutor é o processo de transição, a passagem, o estado de metamorfose das coisas. Obras de artistas representados pela galeria compõem um cenário simbólico de mudança e construção. São trabalhos que através de um conceito e/ou uma estética visual específica apontam para uma sequência evolutiva, o desenvolvimento de uma mutação.
segmento_ vídeo, pintura, objeto, fotografia
local_
Casa Triângulo
Rua Pais de Araújo 77 - Itaim Bibi
São Paulo / São Paulo / Brasil
55-11-31681640
55-11-31675621
info@casatriangulo.com
http://www.casatriangulo.com
horários_
Terça a sábado, 11-19h

métrica mínima - Jac Leirner - SP


métrica mínima, 2015
Linho e papel
27 x 348 x 3 cm

Jac Leirner

métrica mínima

Abertura 28.11.2015, 12h - 15h
Exposição 28.11.2015 | 22.01.2016

Galpão Fortes Vilaça
Rua James Holland 71 | Barra Funda
01138-000 São Paulo Brasil
download press release
Temos o prazer de apresentar métrica mínima, exposição de Jac Leirner no Galpão Fortes Vilaça. A artista paulistana exibe um inédito corpo de trabalho, criado com jogos de sudoku que ela resolveu e colecionou ao longo de meses. Todas as obras se desenvolvem a partir da decisão de dar corpo a processos abstratos como lógica, raciocínio e, em especial, a passagem do tempo.

Na série métrica mínima, exposta pela primeira vez na Bienal de Sharjah deste ano, a artista emprega estratégias recorrentes da sua produção como acúmulo e reordenação, além de alternâncias entre alta e baixa cultura. O pensamento matemático inerente ao passatempo é traduzido através do rigor formal de Leirner, que apresenta os jogos sobre telas de linho em diferentes formatos, quase sempre longos e horizontais. As obras se assemelham a réguas, denotando seu interesse por medir o tempo – ou, mais especificamente, o tempo dedicado na resolução dos jogos. Pequenas variações na altura das telas acompanham o formato dos sudokus e ao mesmo tempo estabelecem uma situação de ritmo para os trabalhos.

As demais obras da exposição refletem o empenho da artista em esgotar as possibilidades plásticas do novo material, utilizando bordas, restos e impressões resultantes da prática do sudoku. Em Números, por exemplo, Leirner faz monotipias com o uso de papel carbono, decalcando a resolução dos jogos para outras superfícies. Diferente dos trabalhos sobre linho, aqui os dígitos estão livres das grades quadradas e espalham-se aleatoriamente pelo papel, gerando áreas de concentração.

Em outro desdobramento, a artista cria colagens com tiras coloridas de jornal extraídas da seção de quadrinhos dos periódicos. O processo decorre do ato de recortar o sudoku, resultando em formas abstratas e jogos de palavras alinhados à tradição da poesia visual. É o caso de Ilustração para um poema, repleta de cortes retangulares, e também de Free Style, com cortes irregulares. Nível Fácil, Nível Médio e Nível Difícil seguem a mesma lógica construtiva e sintetizam a dificuldade dos jogos através de soluções formais.

Cada gesto da ação principal de completar e recortar o sudoku ganha contornos meditativos, como se a ação rápida e semi-inconsciente do cotidiano recebesse uma atenção redobrada, uma concentração máxima. As ações do estúdio se tornam transparentes nas obras finalizadas: acertar ou errar, escrever ou rabiscar, recortar e reorganizar definem tanto estes trabalhos como o material de que são feitos.

Jac Leirner nasceu em São Paulo em 1961, onde ainda vive e trabalha. Entre suas exposições individuais recentes, destacam-se:Funciones de una variable, Museo Tamayo (Cidade do México, 2014); Pesos y Medidas, CAAM (Las Palmas de Gran Canaria, Espanha, 2014), Hardware Seda – Hardware Silk, Yale School of Art (New Haven, EUA, 2012); Jac Leirner, Estação Pinacoteca (São Paulo, 2011). Seu extenso currículo de exposições inclui ainda participações em: Bienal de Sharjah (2015), Bienal de Istambul (2011), Bienal de Veneza (1997 e 1990), Documenta de Kassel (1992), Bienal de São Paulo (1989 e 1983). Sua obra está presente em diversas coleções importantes ao redor do mundo, como: Tate Modern (Londres), MoMA (Nova York), Guggenheim (Nova York), MOCA (Los Angeles), Carnegie Museum of Art (Pittsburgh, EUA), MAM (São Paulo), entre outras.

Fernando Vilela - Mar que atravessamos - Ribeirão Preto - SP



Fernando Vilela - Mar que atravessamos

lançamento_ 27/11/2015, sexta-feira, 18-21h
exposição_ 30/11/2015 a 29/01/2016 
Encerrando 2015, o artista Fernando Vilela apresenta uma instalação composta por cerca de cem livros feitos em aço corten. O artista encapsula dentro de cada livro de aço outros livros com conteúdos relacionados a ditadura militar brasileira: livros proibidos por serem considerados subversivos convivem lado a lado com manuais de tortura.
segmento_ instalação
local_
Galeria Marcelo Guarnieri RP
Rua Nélio Guimarães 1290
Ribeirão Preto / São Paulo / Brasil
55-16-3632-4046
55-16-3623-5857
contato@galeriamarceloguarnieri.com.br
http://www.galeriamarceloguarnieri.com.br
horários_
Segunda a sexta, 10-18h; sábados, 10-14h