concursos, exposições, curiosidades... sobre arte
escolhidos por MARIA PINTO
(Maria Regina Pinto Pereira)

http://maregina-arte.blogspot.com/

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Tagnini - desenhos e colagens






 




A Arte Aplicada destaca os desenhos e colagens de Tagnini

A galeria Arte Aplicada apresenta vinte trabalhos inéditos sobre fibra de algodão do artista Tagnini. O tema que permeia a série é a relação do homem com seu entorno, com o que está a sua volta: o humano urbano em uma análise a respeito da percepção de sua magnitude.
Nestes trabalhos, Tagnini coloca em destaque o ser humano em circunstâncias diversas. A presença constante de seu personagem simbolizado por pequenos homens, “os homenzinhos”, define a visão do artista sobre a real proporção dos humanos em relação ao espaço que ocupam. Através dessa delicada representação simbólica, as obras do artista se mostram maiores do que quem as cria: “O homem, o artista, só é sublime na hora da criação”, define a curadora.
As obras de Tagnini contam sua própria história com traços firmes e toques de cor, que exibem o lado mais leve e divertido do paralelo visual entre homem e espaço. Em seus trabalhos, o artista exprime a homogeneidade de maneira bem humorada, dando uma dimensão irônica à temática que aborda.

Exposição              Tagnini – Ser... Humanos
Curadoria                Sabina de Libman
Período                   05 a 15 de setembro de 2012
Local                      Galeria Arte Aplicadawww.arteaplicada.com.br
                              Rua Haddock Lobo, 1406 – Jardim Paulista – São Paulo, SP
                              Tel.: (11) 3064-4725
Horário                    segunda a sexta das 10h às 19h; sábado das 10h às 14h

“Silêncio” de Suzana Azevedo



Exposição “Silêncio” de Suzana Azevedo
Abertura: 4 de setembro às 19:00h
Visitação: 5 à 30 de setembro de 2012.
Maison do Bonfim
Rua do Bonfim, 115. Carmo. Cidade Alta. Olinda – PE
Fones: 34392721 / 99740949
Horários:
Seg. 18 às 23h.
Ter. 11 às 16h.
Qua. a Dom. 11 às 23h.

marcas do tempo - Galeria Deco


terça-feira, 28 de agosto de 2012

Contrapontos: Arte Contemporânea no Museu de Arte Sacra de São Paulo






Contrapontos: Arte Contemporânea no Museu de Arte Sacra de São Paulo

O Museu de Arte Sacra de São Paulo, instituição da Secretaria de Estado da Cultura, inaugura Contrapontos, coletiva de site specifics com nove artistas que promovem interferências com as obras da exposição de longa duração da instituição e com o ambiente, exibindo lado a lado arte barroca e arte contemporânea, confrontando-as e criando novos significados. A realização dessa mostra dá continuidade à proposta do MAS/SP de abrir suas portas a propostas mais atuais no circuito das artes, o que leva o visitante habitual do museu a se deparar com novas experiências culturais e convida públicos diferentes a conhecerem as especificidades de seu acervo.
Para tanto, a curadora Nair Kremer convidou um grupo de artistas, sendo oito indivíduos e um coletivo, a criarem trabalhos com total liberdade, respeitando os limites do tombamento da edificação. O grupo visitou os espaços do museu e cada um escolheu uma sala das coleções para inserir suas intervenções. São eles: Alex Flemming, Geórgia Kyriakakis, Guto Lacaz, Luiz Hermano, Monique Allain, Núcleo de Arte-Educação do Museu de Arte Sacra de São Paulo, Renata Barros, Roberta Segura e Silvia Mharques.
Com extensa trajetória como artista plástica, a curadora Nair encara um novo desafio ao propor aos artistas o diálogo entre seus trabalhos e as obras e espaços do MAS/SP, deslocando o conceito tradicional de museu para um novo lugar. “Longe da lógica administrativa e da rotina, sua posição enquanto curadora é a de artista, e isso faz toda diferença”, como define a pesquisadora e escritora Berta Waldman.
Contrapontos é, em si, uma única obra de arte, formada por outras obras. Esse trabalho é composto não apenas pelo espaço do museu, as obras de sua exposição de longa duração e os site specifics desenvolvidos para a coletiva, mas a maneira como cada um desses elementos interagem. “No século XV, o pintor Piero Della Francesca já dizia que ‘mais importante que a pintura de um arcipreste é a relação dessa pintura com outra ou com outros elementos’”, diz Nair. É exatamente isso o que a curadora propõe nessa exposição.
Na sala Ourivesaria Sacra, Monique Allain, com sua obra “Réquiem”, questiona os valores tão bem guardados neste local e o fato de que um dia irão desaparecer. No mesmo ambiente, Alex Flemming insere vozes de outras religiosidades na figura de Iemanjá. Já na Benedito Calixto, Guto Lacaz comenta a pintura e sua reprodução – enquanto imagem normal, tridimensional e espectral – em um jogo óptico. Ali também, Geórgia Kyriakakis, com sua obra “EMPENO À TONA”, explora e entrecruza diferentes sentidos dos termos exposição, revelação e deformação.
Com destaques simbólicos e interativos do Jardim do Claustro, Roberta Segura nos leva a refletir sobre o estado de clausura voluntária e involuntária, respectivamente, das monjas e de uma moradora de rua. Luiz Hermano, por sua vez, inspira-se em um museu da Turquia e aciona no visitante o reconhecimento da arte bizantina, mas em um tempo novo, com novos materiais. Em uma das salas mais contemplativas, onde está a imagem de Nossa Senhora da Luz, Silvia Mharques constrói uma máquina de referências filosóficas e coloca em pauta nossa relação com “a luz do conhecimento”. Na Técnica Construtiva, a instalação “A flor da pele”, de Renata Barros, mostra a relação entre corpo e materialidade, em uma referência ao Santo Sudário.
A área externa, junto aos profetas, conta com a participação do Núcleo de Arte-Educação do Museu de Arte Sacra de São Paulo, que exibe a instalação interativa “Salvaguarda”. Este trabalho, já no próprio título, problematiza uma das funções do museu e faz um convite para o reconhecimento público de seu papel social.
Adicionam-se a Contrapontos performances, como “Sagrado Território”, de Miriam Dascal e Fabio Villardi, e a apresentação musical “Fabuloso adeus/ Mortal loucura”, do grupo Pato Preto.
Contrapontos inova em sua presença no MAS/SP por apresentar site specifics, verdadeira “arte ambiente”, que apresenta elementos que dialogam esculturalmente com o meio circundante. A obra produzida sinaliza sua própria tendência de se voltar para o espaço incorporando-o ou transformando-o. Nair Kremer exibe trabalhos conceituais, mas de fácil assimilação, vencendo o desafio de contrapor, com suas poéticas, o tradicional.

Exposição                  Contrapontos – Alex Flemming, Geórgia Kyriakakis, Guto Lacaz, Luiz Hermano, Monique AllainNúcleo de Arte-Educação do Museu de Arte Sacra de São Paulo, Renata Barros, Roberta Segura, Silvia Mharques
Curadoria                  Nair Kremer
Abertura                    03 de setembro de 2012, segunda-feira, às 19h30
Período                       04 de setembro a 04 de novembro de 2012
Local                         Museu de Arte Sacra de São Paulo
Avenida Tiradentes, 676 – Luz, São Paulo
Tel.: (11) 3326.5393 – agendamento/ educativo para visitas monitoradas
Horário                        terça a domingo, das 10 às 18h

--
----
Bruno - Balady Comunicação
Tel.: 11-3814.3382

PINTURA CONTEMPORÂNEA - FAAP



MATRÍCULAS ABERTAS!
Garanta já a sua vaga.

Informações sobre o curso:
Ø       Início Previsto – 03/09 a 26/11/2012 – 2ª Feira das 14h às 18h
Ø       Carga horária – 44 horas

Investimento
Ø       Público Externo – 4 parcelas de R$ 275,00
Ø       Comunidade Faapiana – 4 parcelas de R$ 247,50

Forma de Pagamento Parcelado
Ø       Cheque pré ou cartão de crédito

Matrícula pela internet: Caso a forma de pagamento escolhida seja cartão de crédito, a matrícula pode ser realizada através do site (clique aqui). Selecionando a “Turma” e clicando em “Inscreva-se”, basta seguir o passo-a-passo para receber a confirmação da matrícula por e-mail.
  
Documentos Necessários para matrícula
  • 1 foto 3x4
  • Cópia do RG e CPF
  • Cópia do Comprovante de Residência
 O início das aulas está sujeito a um número mínimo de alunos matriculados

Local do curso e endereço para efetivar a sua matrícula
Ø       FAAP Núcleo de Cultura | Campus FAAP São Paulo – Sede
Rua Alagoas, 903 – Prédio 1, subsolo
Higienópolis – São Paulo/SP

Canais de Atendimento
Ø       Telefone – (11) 3662-7034
Ø       Email – nucleo.informacao@faap.br

Horário de Atendimento
Ø       Presencial – de segunda a quinta-feira das 10h às 22h; sexta-feira das 10h às 19h; e sábados das 8h às 12h.
Ø       Telefônico – de segunda a sexta-feira das 8h00 às 20h00.
 Caso não possa comparecer nesse horário envie um e-mail para nucleocultura@faap.br

Desde já expressamos que será um prazer ter você conosco!

Atenciosamente,
FAAP Núcleo de Cultura


DETALHES SOBRE O CURSO

Professor:
Teresa Viana

Sua obra abrange a produção de pinturas, desenhos, colagens, site-specifics e imagens digitais. Seu trabalho é caracterizado pelo embate com a tradição pictórica e as possibilidades de desdobramento na contemporaneidade. Usando cores fortes e vibrantes, constrói um vocabulário visual próprio onde busca unir a sensação física e visual.
Recebeu a Bolsa Pesquisa da The Pollock-krasner Foundation, EUA, em 2001. Participou de coletivas no Paço das Artes de São Paulo; Funarte, RJ; Museu de Arte do Espírito Santo; Pinacoteca do Estado de SP;  Museu de Arte de Ribeirão Preto, SP; MAM-SP; MAC-Niterói, RJ; MAC-Ceará, CE; MAM-Recife, PE; entre outros.
Nos últimos anos realizou exposições individuais de pinturas e site specifics. Entre elas, Site Specific, Prêmio Projéteis Funarte de Arte Contemporânea 2007/2008, (RJ, 2008); Pintura Expandida, no Paço das Artes de SP, (SP, 2005); Pinturas, no Espaço Cultural Sérgio Porto, (RJ, 2005); Colagem, Centro Universitário Mariantonia, (SP, 2002); Pinturas, Galeria Baró Senna, (SP, 2001). 
Participou de feiras internacionais de arte contemporânea, Arco 2002, Madri; Art Miami Fair, (EUA, 2002); ArteBA  (Buenos Aires, 2003); Art Santa Fé/2008 ( México, 2008)  e SP Arte, (SP, 2008 e 2009).
E em 2009 realizou a exposição “painting in progress”, na Galeria Virgílio,em SP, onde mostrou pinturas e imagens digitais.
www.teresaviana.com.br




Objetivo:
O curso tem como objetivo transmitir alguns conceitos da tradição pictórica, estimular o aluno a reconhecer visualmente estes conceitos e a construir um trabalho próprio, ou dar continuidade ao seu trabalho em andamento.
A pintura será vista como uma linguagem experimental e em constante transformação.
As aulas serão livres, numa dinâmica de atelier, com orientação individual, exercícios e conversas sobre a História da Pintura.
Será dado ênfase à cor.

Programa:
- construção, misturas e relações das cromáticas;
- a pincelada como gesto que constrói espaço;
- o reconhecimento do espaço bi e tridimensional real e virtual na pintura;
- o processo de pensar pictóricamente;

Metodologia:
O método é a orientação através da experimentação dos conceitos apresentados nas conversas sobre a História da Pintura e dos exercícios propostos. Levando o aluno a incorporar esta experiência no seu próprio trabalho, a fim de expandir e enriquecer suas questões em percurso, aumentando assim o seu repertório e autonomia

Para entrar em contato com a FAAP, acesse um dos canais a seguir:
http://www.faap.br/nucleocultura/ | nucleo.informacao@faap.br | Central de Atendimento: (11) 3662-7034
Novo Horário de Atendimento Telefônico: 2ª a 6ª das 8h00 às 20h00

CERÂMICA DO POVO SURUÍ DE RONDÔNIA - FAAP



MATRÍCULAS ABERTAS!
Garanta já a sua vaga.

Informações sobre o curso:
Ø       Início Previsto – 13/09 a 29/11/2012 – 5ª feiras das 14h às 16h
Ø       Carga horária – 20 horas

Investimento
Ø       Público Externo – 3 parcelas de R$ 250,00
Ø       Comunidade Faapiana – 3 parcelas de R$ 225,00

Forma de Pagamento Parcelado
Ø       Cheque pré ou cartão de crédito

Matrícula pela internet: Caso a forma de pagamento escolhida seja cartão de crédito, a matrícula pode ser realizada através do site (clique aqui). Selecionando a turma e clicando em “INSCREVA-SE”, basta seguir o passo-a-passo para receber a confirmação da matrícula por e-mail.

Documentos Necessários para matrícula
  • 1 foto 3x4
  • Cópia do RG e CPF
  • Cópia do Comprovante de Residência
 O início das aulas está sujeito a um número mínimo de alunos matriculados

Local do curso e endereço para efetivar a sua matrícula
Ø       FAAP Núcleo de Cultura | Campus FAAP São Paulo – Sede
Rua Alagoas, 903 – Prédio 1, subsolo
Higienópolis – São Paulo/SP

Canais de Atendimento
Ø       Telefone – (11) 3662-7034
Ø       Email – nucleo.informacao@faap.br

Horário de Atendimento
Ø       Presencial – de segunda à quinta-feira das 10h às 22h; sexta-feira das 10h às 19h; e sábados das 8h às 12h.
Ø       Telefônico – de segunda à sexta-feira das 8h00 às 20h00.
Caso não possa comparecer nesse horário envie um e-mail para nucleocultura@faap.br

Desde já expressamos que será um prazer ter você conosco!

Atenciosamente,
FAAP Núcleo de Cultura


DETALHES SOBRE O CURSO
Professor:
Jean-Jacques Vidal

Escultor/ ceramista, teve formação nas artes do vidro ( fusing, pasta de vidro e casting ) nos” ateliers de verre de la ville de Paris” ,França 1990-1993,Mestre em artes visuais.UNESP- Universidade Estadual Paulista “Julio de Mesquita Filho”Instituto de Artes –IA- São Paulo. Professor de modelagem I e II, Cerâmica, escultura I e aprofundamento das artes do fogo na UNIMESP: Centro universitário metropolitano de São Paulo. Guarulhos.Professor de modelagem, Liceu Pasteur. São Paulo.




Objetivo:
Esta proposta de curso sobre a produção cerâmica deste povo procura mostrar através de aulas expositivas, a mudança e a continuidade cultural entre os Suruí através de sua produção Cerâmica. Mostrando os processos e procedimentos elaborados por eles na fabricação de suas peças, o ritual envolvido e a análise de mitos onde a cerâmica se faz presente além de apresentar a coleção particular da antropóloga Betty Mindlin de peças trazidas nos anos 70 do século XX e peças fabricadas em 2010 resultado de pesquisa aprofundada sobre este tema. Como continuidade desta proposta serão ministradas aulas relacionadas a este modo de fazer através da prática da modelagem e queima.

Programa:
1)  Apresentação da pesquisa.
2) Apresentação da sequência dos processos de fabricação.
3) O conceito de design inserido nesta produção especifica da cerâmica Suruí.
4) Analise comparativa com outras produções indígenas.
5) Elaboração de um projeto para fabricação de um Objeto-Arte em cerâmica.
6) Modelagem.
7) Modelagem
8) Acabamento
9) Queima
10) Análise da produção
Metodologia:
Esta pesquisa é o resultado de um trabalho de campo sobre um aspecto específico da cultura material dos índios Suruí de Rondônia, a cerâmica. A investigação se fez através de levantamento etnográfico, registro fotográfico e vídeo dos procedimentos utilizados por este povo para fabricar suas peças, verificando a localização da matéria-prima, procedimentos de extração deste material, possíveis temperos agregados à argila, técnicas de modelagem, queima, tratamento de superfície e função utilitária e ritualística das peças, com ênfase nas relações sociais envolvidas neste processo.
 Este estudo propôs-se também a recolher e documentar peças cerâmicas contemporâneas, com a finalidade de comparar a produção atual com as coleções Suruí dos anos 70 e 80 do século XX, do acervo particular da antropóloga Betty Mindlin, e de peças elaboradas em 2010 na aldeia Gãbgir, de modo a verificar, de um lado, a continuidade dos processos tecnológicos e de outro lado às mudanças culturais, em termos de morfologia, volume, acabamento de superfície, além de observar se fatos históricos como os contatos com os não indígenas influíram ou alteraram a produção cerâmica em relação aos processos de manufatura, implementos utilizados, técnicas empregadas, usos e interferências nas relações sociais.


Para entrar em contato com a FAAP, acesse um dos canais a seguir:
http://www.faap.br/nucleocultura/ | nucleo.informacao@faap.br | Central de Atendimento: (11) 3662-7034
Novo Horário de Atendimento Telefônico: 2ª a 6ª das 8h00 às 20h00

cursos nas Belas Artes com Luís Castañón



CRIATIVIDADE: http://bit.ly/KMK148




Luís Castañón
Artista Plástico

Aquarela no sábado, dia 1 de setembro- Ateliê Vera Ferro



TÉCNICAS DE RESISTÊNCIA

É uma aula livre, onde se estimula a criatividade, desenvolvendo a sensibilidade com novas ideias ,
trabalhando de maneira lúdica , revolucionando velhos hábitos e introduzindo estímulos para sua arte.
Mesmo quem não tem conhecimento técnico de aquarela pode participar com facilidade.
Além do material normal de aquarela , pedimos que tragam pastel oleoso.




A aula é das 9:30 às 12:30 horas e o pagamento de R$ 100,00 é pela aula avulsa.
Mais informações e reservas de vagas pelo tel. 32941788 ou pelo e-mail: atelierveraferro@gmail.com 

Atelier Vera Ferro
Rua Helena Steimberg 1469
www.veraferro.com.br
atelier: 19-32941788

CONFERÊNCIA DIALÓGICA ENTRE PABLO LAFUENTE E LISETTE LAGNADO



Histórias das Exposições: uma alternativa crítica à historia da arte

com Lisette Lagnado
convidado internacional Pablo Lafuente

A especificidade de um novo campo do conhecimento - Histórias das Exposições - é o tema do encontro que reúne Pablo Lafuente e Lisette Lagnado para discutir alternativas críticas à teoria e história da arte.
Editor e curador, Pablo Lafuente apresenta as diretrizes do programa inédito de mestrado MRes Art: Exhibition Studies na Central Saint Martins (University of the Arts), centro de pesquisa que coordena em Londres com Lucy Steeds.
A conferência dialógica marca o lançamento de seminários preparatórios entre São Paulo e Londres para um volume da editora Afterall, na coleção Exhibition Histories, dedicado à XXIV Bienal de São Paulo, de Paulo Herkenhoff, com ensaio de Lisette Lagnado.
 

Palestra gratuita
5 de setembro (4ª)
10h às 12h 
Escola São Paulo - Unidade 2: Rua Augusta, 2074

1 palestra | 3 horas

http://www.escolasaopaulo.org/atividades/conferencia-dialogica-entre-pablo-lafuente-e-lisette-lagnado/conferencia-dialogica-entre-pablo-lafuente-e-lisette-lagnado

Lançamento da Pesquisa sobre o Panorama Setorial da Cultura Brasileira


Lançamento da Pesquisa sobre o Panorama Setorial da Cultura Brasileira - 30/08
Para confirmar presença clique no link:
http://servicospoa2.espm.br/controle_palestras/confirmacao.aspx?ide=630

Marcio Banfi no MAC encontra os artistas


Estado do Rio de Janeiro cataloga seu acervo de arte sacra


Estado do Rio de Janeiro cataloga seu acervo de arte sacra

 

de 

Com um dos maiores acervos de arte sacra do Brasil, o Estado do Rio de Janeiro deve terminar, até o início de 2013, o inventário de mais três regiões: Serrana, Médio Paraíba e Centro-sul.

O trabalho do Departamento de Bens Móveis e Integrados do Instituto Estadual do Patrimônio Cultural (Inepac) já foi concluído no norte e noroeste do estado e na baixada litorânea, resultando na publicação de dois livros. Até o início de 2014 deve ser feito o levantamento da Costa Verde e Baixada Fluminense, para, até o final do ano, fazer o inventário da arte sacra da capital do Estado.
O diretor do departamento, Rafael Azevedo, conta que a ação começou em 2008 e explica que o trabalho é minucioso e começa com pesquisa em arquivos e documento, para saber onde ir e o que procurar. “Com a referência do que procurar, a equipe vai ao local e identifica o que realmente tem importância histórica, litúrgica, artística, estética, enfim, a equipe vai fazer esse diagnóstico e lança no sistema que nós temos online, para ser analisado pela equipe de escritório. Essa equipe do escritório faz uma revisão e aprofunda as análises estilísticas, iconográficas e ornamentais de cada peça.”
Ele lembra que um dos objetivos do trabalho é dar auxílio técnico e mapear os locais que precisam de ações emergenciais, para direcionar melhor as políticas de proteção em cada região.
O diretor do Inepac, Paulo Vidal, explica que, além da arte sacra, o órgão também está fazendo outros inventários, como o da arquitetura rural fluminense, principalmente nas fazendas do ciclo do café do vale fluminense, e também do patrimônio imaterial. Ele diz que o levantamento é o primeiro passo para proteger os bens culturais.
O inventário está disponível para consulta no site www.artesacrafluminense.rj.gov.br.
*Com informações da Agência Brasil

Fonte: Cultura e Mercado 

USP lança portal com 800 videoaulas gratuitas


USP lança portal com 800 videoaulas gratuitas

 

 
Com a intenção de disponibilizar para o Brasil parte de seu acervo didático, a Universidade São Paulo (USP)criou o Portal e-Aulas USP. São cerca de 800 videoaulas divididas em três categorias específicas: Exatas, Humanas e Biológicas.
Internautas podem acessar a vontade e assistir a aulas isoladas ou a matérias inteiras. Tudo Catraca Livre e sem inscrições. O único porém é que o site não emite certificados oficiais aos usuários.
O endereço virtual foi elaborado pela Superintendência de Tecnologia da Informação (STI) da instituição. Além do material divulgado, o portal também compilou vídeos relacionados e possibilitou o compartilhamento de todo o seu conteúdo via redes sociais.
Confira uma amostra dos videos.
Leia Mais

Fonte: Catraca Livre 

Mapping Central America and the Caribbean



Mapping Central America and the Caribbean

http://curatorsintl.org/journal/mapping_central_america_and_the_caribbean

As part of ICI's collaboration with the
Colección Patricia Phelps de Cisneros (CPPC) to create curatorial research opportunities in Central America and the Caribbean, ICI is pleased to announce the launch of a resource platform that offers information on institutions, archives, museums, collections, and other relevant activities constituting Central America and the Caribbean's contemporary art scene, including independent initiatives, biennials, and private foundations.

Reflecting the evolving landscape of the art scene, this platform will be updated as new information becomes available. Compiled by ICI Curatorial Fellow, Sofía Olascoaga, this new initiative would not have been possible without the support and advice of many artists and curators from the region and beyond.
Thanks to Magali Arriola, Stefan Benchoam, Tamara Díaz Bringas, Rosina Cazali, Santiago Olmo, María Inés Rodríguez, and Paola Santoscoy.

Visit the website here to learn more about the regions.

Fonte: Forum Permanente

Instituto de Biociências da Unesp promove concurso de arte



Instituto de Biociências: Olhares Revelados III

EDITAL - Acesse
FICHA DE INSCRIÇÃO - Acesse

Instituto de Biociências da Unesp promove concurso de arte

Agência FAPESP – Estão abertas até 30 de setembro as inscrições para o concurso artístico “Instituto de Biociências: olhares revelados III”, promovido pela diretoria do Instituto de Biociências (IB) da Universidade Estadual Paulista (Unesp), campus de Botucatu.
Serão aceitos foto, pintura e desenho do entorno do IB, incluindo a paisagem natural, arquitetura, o cotidiano, a fauna e flora, além de fotomicrografias artísticas resultantes de pesquisas realizadas no instituto. Podem participar pessoas ligadas ou não à instituição.
O objetivo é fomentar, incentivar, valorizar e reunir a produção artística, além de descobrir novos talentos. Os primeiros colocados receberão troféu e diploma.
A seleção está prevista para ocorrer de 1º a 16 de outubro. A exposição dos materiais será realizada de 17 de outubro a 9 de novembro.
Os critérios utilizados na escolha dos melhores trabalhos serão atendimento ao tema proposto, originalidade, criatividade, beleza e qualidade técnica.
Mais informações: www.ibb.unesp.br/#1,1267 
Fonte: Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)

3º Concurso Fotográfico Você nos Trilhos (Inscrições 15/10/2012)


3º Concurso Fotográfico Você nos Trilhos (Inscrições 15/10/2012)



O 3° Concurso Fotográfico Você nos Trilhos, uma ação do Clube Amantes da Ferrovia e da ABOTTC (Associação Brasileira dos Operadores de Trens Turísticos e Culturais), vai premiar as melhores fotos de trens e ferrovias do território nacional e se estende a fotógrafos amadores e profissionais.
O Concurso acontece de 01/08/12 a 15/10/12, para que no dia 05/11/12 seja divulgado o grande resultado.
Os 3 primeiros colocados serão premiados com uma viagem nacional cada e os 20 primeiros colocados participarão de uma exposição fotográfica itinerante.
Prêmios:
- Viagem para a Bahia com acompanhante, incluindo passagens aéreas e 3 noites de hospedagem no Grand Palladium Imbassaí Resort & Spa;
- Viagem para Foz do Iguaçu/PR com acompanhante, incluindo passagens aéreas e 3 noites de hospedagem;
- Viagem para o Pantanal com acompanhante, incluindo passagens aéreas e 3 noites de hospedagem.
Locais das exposições:
Dezembro 2012
Estação Ferroviária de Curitiba | Circulação de 1.000 pessoas/dia
Janeiro 2013
1 Estação Ferroviária da CPTM em São Paulo | Circulação de 1.000.000 pessoas/dia
Fevereiro 2013
Estação Ferroviária de Campo Grande
Março 2013
Estação Ferroviária do Trem do Corcovado no Rio de Janeiro
A exposição percorrerá outras estações ferroviárias brasileiras em 2013.
Os participantes devem se inscrever enviando até três fotografias pelos Correios, nas dimensões de no mínimo 20 cm o lado menor e 30 cm o lado maior e a ficha de inscrição deverá acompanhar cada foto inscrita.
Fonte: Clube Amantes da Ferrovia /  Banco Cultural